CLÁUSULAS CONTRATUAIS NOS GINÁSIOS
Institucional

CLÁUSULAS CONTRATUAIS NOS GINÁSIOS

Institucional

Para quem regressa nesta altura ao ginásio, ou vai estrear-se nestas lides do exercício físico, é importante ter consciência não só das cláusulas contratuais, como dos períodos de fidelização, se o débito direto é ou não obrigatório e, ainda, o que fazer para rescindir contrato, se eventualmente quiser desistir.

O advogado Marco Garrinhas, da FCB – Sociedade de Advogados, esteve no espaço Economia 24 do Diário da Manhã da TVI e explicou os tipo de contratos, e as suas diferenças, que os ginásios aplicam. Salienta que o consumidor “tem a possibilidade de aceitar ou não aceitar, mas não tem possibilidade de negociar”.

Veja a notícia completa in Fidelização e débito direto nos ginásios são obrigatórios?